Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Operação Ricardo Kirk 2 emprega Marinha, Exército e Força Aérea
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Operação Ricardo Kirk 2 emprega Marinha, Exército e Força Aérea

  • Publicado: Terça, 16 Agosto 2022 10:39
  • Última Atualização: Terça, 16 Agosto 2022 10:39

Taubaté (SP) - Três Forças, um objetivo: operar de forma conjunta em helicópteros com o uso óculos de visão noturna em situação de guerra, fortalecendo a interoperabilidade entre as três forças singulares, a Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Área Brasileira (FAB). Esta foi a finalidade da Operação Ricardo Kirk 2, atividade combinada realizada entre os dias 4 e 15 de julho na Aviação do Exército, em Taubaté.

As atividades técnicas, táticas e procedimento ocorreram em duas fases. A primeira semana de preparação teórica e prática foi realizada no forte Ricardo Kirk em Taubaté. Já entre os dias 11 e 15 de julho, a fase de operações ocorreu também nos municípios de Caçapava e Cachoeira Paulista.

Além dos militares de Aviação, da Marinha e da FAB, também integraram o exercício militares do 2º Grupo de Artilharia Antiaérea (2º GAAAe) e da 12ª Brigada de Infantaria Leve Aéromovel (12ª Bda Inf L Amv).

"Este treinamento conjunto reforça o treinamento das capacidades operativas das três Forças, fazendo com que haja o entendimento mútuo e uma reforce a capacidade operativa da outra, levando as Forças Armadas à protidão operacional plena. Havendo necessidade, uma Força atua em reforço da outra, fazendo com que tenhamos um ganho operativo muito grande e refroçando aquele lema que juntos somos mais fortes", disse o Comandante de Aviação do Exército, General Nigri.

 

Ricardo Kirk 1

Sob coordenação do Ministério da Defesa e do Comando de Operações Terrestre (COTER), em agosto de 2021 foi realizada a primeira Operação Ricardo Kirk, em Taubaté, com participação da Marinha do Brasil, da Aviação do Exército eda FAB.

Na oportunidade, militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica também compartilharam e padronizaram procedimentos em helicópteros, modelo H225M, projeto estratégico do Ministério da Defesa.

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página